terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Culto Mentiroso


Texto básico: Lucas 19:45-48
Versículo chave: “Está escrito: A minha casa será casa de oração. Mas vós a transformastes em covil de salteadores.” (Lucas 19:46)

O dia 1º de abril é tido pela nossa cultura como o “dia da mentira”. Neste dia muitas pessoas procuram, de uma forma ou de outra, surpreender seus amigos com algum tipo de brincadeira terminando como a frase: “Primeiro de abril!”.
Quando Jesus entra no templo em Jerusalém vê que muitas das pessoas que para lá se dirigiam viviam uma religiosidade mentirosa todos os dias de suas vidas. Na verdade, elas se aproveitavam da boa fé dos humildes para terem algum proveito, ou seja, para eles a “a piedade era fonte de lucro” (1 Timóteo 6:5).
Como Deus reprova o culto mentiroso, Jesus toma uma grande iniciativa. Com Seu imenso zelo, expulsa os cambistas e demais “comerciantes da fé” daquele lugar que fora instituído por Deus para ser um local de oração e adoração.

CONCLUSÃO

  • Temos prestando um culto verdadeiro ao Senhor em tudo o que fazemos? Nossos cânticos, ofertas e abraços fraternos, demonstram claramente o sentimento do nosso coração ou é pura encenação?

  • Qual é a sua motivação para servir a Deus? A de ser um instrumento usado por Ele, ou está se preocupando com os benefícios que pode obter?



Quem presta um culto mentiroso ao Senhor merece ser punido com muito rigor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário