sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Por vinte e cinco centavos



“Mas vem a hora, e já chegou, quando os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque são estes que o Pai procura para seus adoradores.”
João 4.23

Leiam esta interessante história que recebi há um bom tempo:

Alguns anos atrás, um pregador mudou-se para Houston, Texas.

Poucos dias depois que chegou, teve de ir de ônibus de sua casa até o centro da cidade.

Quando se sentou, descobriu ter recebido 25 centavos a mais no troco que pagara pela passagem.

Considerando o que deveria fazer, ele pensou:

- É melhor devolver os 25 centavos. Seria errado mantê-lo.

Então ele pensou:

- Oh, esquece. Apenas 25 centavos. Quem se preocuparia por quantia tão pequena? Além do mais, a empresa de ônibus já tem bastante; nunca sentirão falta. Aceite-o como um presente e fique quieto.

Quando chegou ao ponto onde desceria do ônibus, parou momentaneamente na porta, então entregou a moeda ao motorista e disse:

- Tome, você me deu troco a mais.

O motorista, com um sorriso, respondeu:

- Você não é o novo pregador? Eu tenho pensado sobre ir lhe ouvir. Eu queria apenas ver o que você faria se eu lhe desse troco a mais.

Quando o nosso amigo saiu do ônibus, ele agarrou literalmente o poste mais próximo, e disse:

- Oh Deus, me perdoe! Eu quase vendi Seu Filho por 25 centavos.

Recebi a história acima num boletim dominical, pelo que me parece, tal história pode ser verdadeira. Mas, ainda que seja apenas uma história ilustrativa, o ensinamento que traz para todos nós é verdadeiro.

Quantas vezes andamos pela rua como se ninguém estivesse olhando para nós? Por vezes pensamos que tudo o que fazemos é “da nossa conta” apenas. Mas todas as nossas atitudes estão sendo observadas pelos outros, visando saber se de fato vivemos o que cremos. Além disso, Deus está constantemente olhando para nós, buscando adoradores que o adorem.

Em espírito sim, mas também em verdade!

Pr. Franck Neuwirth

Um comentário: