sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

OS TRÊS C'S QUE FAZEM A DIFERENÇA

“Acabou-se, pois, o muro aos vinte e cinco dias do mês de elul, em cinquenta de dois dias." (Neemias 6.15)


Ao lermos o livro de Neemias, observamos nele um homem que viveu completamente sob a dependência de Deus. É sabido que reconstruir é muito mais difícil do que construir, basta observarmos o que acontece numa construção e o que acontece numa reforma.
Quando construímos, começamos do nada, e por isso não existe nenhum empecilho para levantar as paredes ou fazer qualquer outra obra. Já, quando vamos reformar temos que derrubar o que está caindo, tirar o entulho, preparar novamente o terreno, para daí então edificar novamente.

Com relação a Jerusalém, algo semelhante aconteceu, a cidade havia sido destruída, os muros (que significavam a segurança da cidade) haviam sido destruídos e as portas estavam queimadas a fogo (Neemias 1:3). Em vista desse pano de fundo, a reação de Neemias não poderia ter sido outra - assentar e chorar (v.4).

Como se não bastasse, ele teria ainda outro problema para enfrentar - os opositores. Infelizmente, muitos são os que se levantam contra a obra de Deus. Veja quantos se opuseram à obra de reconstrução dos muros: No capítulo 2, verso 10 entra em cena Sambalá e Tobias; no capítulo 2, verso 19 aparece também Gesém e no capítulo 6, verso 1 é mencionado ainda "o resto dos nossos inimigos".

No entanto, no decorrer desta história, vemos os três C's que fizeram com que o versículo que encabeça esta meditação fosse realidade, e que deve ser o ideal para todo crente:

1. Caráter
Neemias conseguiu implementar o trabalho e obter êxito por causa do seu caráter irrepreensível. Ele não tinha nada que lhe tirasse a autoridade para estar à frente do povo. Por diversas vezes os seus opositores tentaram denegrir a sua imagem perante todos. Eles mentiam (2:19), zombavam (4:2-3), difamavam (6:5-6), e não obtendo sucesso tentaram ainda induzi-lo ao pecado (6:10-13). Se ele não tivesse um caráter íntegro reconhecido por todo o povo, não haveria quem o seguisse para a reconstrução. Para nós é de estrema importância vivermos como referencial para os outros, como disse Jesus: "para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus" (Mateus 5:16).

2. Confiança em Deus:
Se Neemias também não tivesse uma fé autêntica em Deus, ele ficaria completamente desanimado, sem esperança. O que fez com que ele mantivesse sua visão na obra de Deus, era a confiança de que o trabalho era de Deus e seria este mesmo Deus quem o livraria dos seus opositores e o manteria no alvo correto. Em todo o livro vemos orações de Neemias que demonstravam esta confiança em Deus (por exemplo 1:5; 2:4; 4:4; 5:19; 6:9; 6:14). Quantas vezes, ao passarmos por momentos difíceis na vida, desanimamos? Devemos confiar no caráter imutável de Deus, é Ele quem vai nos guiar. Imagine se Neemias perdesse sua confiança em Deus... certamente jogaria tudo para cima e voltaria para o palácio do rei, onde vivia muito bem. Todos nós conhecemos muito bem as palavras do Salmo 37:5: "Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nele, e o mais ele fará", o grande problema é que dizemos que confiamos em Deus, mas quando as coisas não saem como planejamos, desistimos e perdemos as bênçãos.

3. Coragem:
A coragem demonstrada por Neemias estava intimamente ligada à confiança que ele tinha em Deus. Podemos dizer que coragem é uma consequência desta confiança. Por causa de sua coragem, Neemias pôde enfrentar todas as dificuldades e manter-se no foco, mesmo quando os opositores queriam desviar-lhe a atenção da obra (6:2-3). Neemias teve coragem de dizer não e enfrentar seus opositores. Ser cristão não é coisa para os fracos! Jesus mesmo disse que precisamos pensar muito bem antes de dizer que queremos segui-Lo - precisamos calcular (Lucas 14:28,31), precisamos renunciar tudo (Lucas 14:33) - somente os corajosos fazem isso. Jesus, na Sua última aparição ao apóstolo Paulo, não disse outra coisa além de "Coragem!" (Atos 23:11).

Quando tivermos um caráter irrepreensível, uma confiança incondicional em Deus e uma coragem inabalável, iremos fazer diferença no mundo em que vivemos.

Assim como Neemias fez...

Nenhum comentário:

Postar um comentário